OGN3SA0

SEMINÁRIO CLÍNICO INTERNACIONAL

A PRÁTICA DO COMENTÁRIO EM PSICANÁLISE

Eva Lerner (Escuela Freudiana de Buenos Aires)

Em resposta ao convite de Lacan para inventar algo novo na transmissão da psicanálise, Eva Lerner, Analista Membro da Escuela Freudiana de Buenos Aires, propõe, há muitos anos, um dispositivo que nomeou de “Prática do Comentário em Psicanálise”.

Este dispositivo tem como base a construção de um grupo de psicanalistas no intuito de trabalhar a teoria a partir da apresentação clínica feita por um analista convidado. A apresentação servirá de base para a teorização feita por Eva Lerner de acordo com o tema de cada encontro.

Após os apontamentos a respeito da apresentação, poderemos dialogar sobre o exposto com perguntas que nos auxiliem na teorização dos conceitos provenientes da clínica. Este dispositivo permite demonstrar que “não há relação sexual” entre clínica e teoria e abre um espaço de debate entre a doutrina, segundo a qual “tudo termina”, e a surpresa que o “caso a caso” nos traz e que dia a dia enriquece dia nossa maneira de abordar a teoria.

• Uma análise se inicia somente depois de algumas entrevistas, no estilo tradicional?

• Ou como nos ensina Lacan, requer-se que um pedido de análise se converta em um desejo de analisar-se?

• Como o analista deve operar para que uma análise se inicie?

• O que significa a instauração da transferência como sujeito suposto saber? 

• O que fazer quando a transferência não se instala?

São estas e outras questões que irão nortear nosso percurso com a psicanalista Eva Lerner e analistas convidados(as). Confira abaixo o conteúdo programático e os analistas participantes do programa!

TRANSMISSÃO

Exposições ao vivo com a psicanalista Eva Lerner e analistas convidados!

CERTIFICADO

Certificado internacional de 12 horas para os membros do grupo que concluírem o seminário!

PORTAL

Acesso ao exclusivo portal de transmissão em psicanálise do Instituto!

ANALISTAS CONVIDADOS

1º Recorte clínico (Disponível): Silvana Cardoso Aquim

2º Recorte clínico (12/5): Salete Maria Clivati

3º Recorte clínico (23/6):  Shirley  Rialto  Sesarino

4º Recorte clínico (7/7): Marco Leite

 5º Recorte clínico (21/7): Lucia Helena de Souza

6º Recorte clínico (4/8): Andrea Silvana Rossi (Associação Psicanalaítica de Curitiba)

7º Recorte clínico (18/8):  Denise Cuéllar Cini (Biblioteca Freudiana de Curitiba)

PROPOSTA DO PROGRAMA

Tema geral do seminário: Analisar

Pode acontecer que o termo “analisante”, aquele que caracteriza uma posição ativa de interrogação e implicação na cura em oposição ao lugar da paciência e da espera do Outro que o termo “paciente” representa, adormeça os analistas em relação a seu ato.

Não é o analisante que dirige a cura, nem tampouco é só o inconsciente em sua infinita produção.

É o analista e a transferência que fazem presente o real do inconsciente e o que nos faz retornar, uma e outra vez, a Lacan para verificar a teoria nos tratamentos que conduzimos.

Adiantamos já com isto que “sua única invenção”, como ele chamava o objeto “a”, perderá seu estatuto teórico se não pudermos devolvê-lo ao seu lugar de causa desejante, liberando, transmutado nas análises, na medida do possível, a substância gozante que o condena à repetição.

Liberar a causa desejante é a finalidade da análise e esta é nossa aposta. É por isso que a repetição é uma questão importante em nossa práxis.

Nossa formação permanente obriga-nos a nos deter naquilo que é obstáculo para essa finalidade no caso a caso, pelo que devemos revisar sempre o limite de nosso ato e não o limite do analisante.

Percorreremos os marcos orientadores na direção da cura desde seus primórdios e os obstáculos que ela nos apresenta no percurso de analisar. Iremos nos deter na palavra do sujeito entre um significante e outro, em sua relação com o objeto de seu fantasma e a repetição de um gozo que produz sofrimento para transmutar. Realizaremos um exercício de leitura do discurso analisante e a direção que o analista imprime no horizonte da transferência.

METODOLOGIA

As aulas e recortes clínicos serão online e ministradas ao vivo das 20:00 às 21:00, via Zoom, pela psicanalista Eva Lerner e seus analistas convidados(as). Devido aos casos clínicos, as exposições não ficarão gravadas.  Durante o seminário internacional os membros do grupo terão acesso à plataforma de ensino do Instituto ESPE, podendo acessar as aulas e seminários extras disponíveis. Os recortes clínicos serão apresentados em português e os comentários serão realizados em espanhol. Os seminários clínicos são recomendados à profissionais que já exercem a clínica e possuem uma boa compreensão da língua castelhana.

INSCRIÇÕES ABERTAS

Faça sua matrícula e garanta sua vaga. Grupo limitado a 40 analistas! 

TURMA LIMITADA

NÃO PERCA ESSA OPORTUNIDADE

Grupo limitado. Inscreva-se e participe!

 

4 x R$ 167,00

Após realizada a sua matrícula em até 1 dia útil você receberá a confirmação de sua vaga!

DÚVIDAS

Ainda ficou com dúvidas? Entre em contato com um de nossos representantes!

COORDENADORA DO PROGRAMA

download.jpg

Eva Lerner

Psicanalista Analista Membro da EFBA. Está na Escola desde a primeira entrada em 1976. Foi presidente e vice-presidente da EFBA. Membro fundador, junto com a EFBA, da Reunião lacanoamericana de Psicanálise e de Convergência, movimento lacaniano para a Psicanálise freudiana. Foi residente hospitalar e docente e supervisora em hospitais e instituições psicanalíticas.

Na EFBA mantém um seminário permanente de formação de psicanalistas chamado Prática do comentário para o ensino da teoria Psicanalítica a partir do caso clínico. Tem inúmeros artigos publicados na Argentina e no exterior, e vários livros em Colaboração. Seu livro “El Objeto A Doblez Del Sujeto" está atualmente sendo traduzido para o português pelo Instituto ESPE.