OGN3SA0

SEMINÁRIO

PSICANÁLISE E PSIQUIATRIA
NA CLÍNICA DAS PSICOSES

Claudia Beltran do Valle

Psicanálise e Psiquiatria, discursos distintos sobre as psicoses – como se dá esse contato, quase incontornável na clínica atual? 

É necessário situar as bases históricas e conceituais da Psiquiatria para compreender o discurso psiquiátrico sobre as psicoses hoje, basicamente orientado pelas neurociências e, não menos importante, considerar o mesmo percurso em relação à Psicanálise:  o discurso psicanalítico sobre as psicoses, as teorias freudianas sobre o delírio, as proposições lacanianas da foraclusão como mecanismo causal e todo o desdobramento que tal abordagem, bastante abrangente, vai trazer para a clínica. Há que se pensar sobre as diferenças, confluências e impasses que se apresentam na clínica cotidiana quando Psicanálise e Psiquiatria se encontram na montagem da rede de cuidados de um sujeito ou mesmo quando o discurso psiquiátrico hegemônico põe em questão a abordagem psicanalítica.

A Psiquiatria surge na passagem do século XVIII - XIX como ramo da medicina, com a instituição do asilo, este com função de controle social, designado para o cuidado dos loucos. Os loucos haviam sido separados de todo o conjunto de excluídos por Pinel, que observara ali um outro gênero de problema. Neste gesto, a loucura passa a ser considerada doença mental (antes, não eram doentes, mas portadores de uma mensagem, seja sábia, religiosa, mágica...), uma doença como qualquer outra, e os loucos passam aos cuidados da medicina, assim nascendo a Psiquiatria – história detalhada no clássico de Michel Foucault “A história da loucura”.

 Porém aqui começam os problemas da Psiquiatria, pois não era possível inscrever a doença mental nos cânones da medicina, visto que faltavam as lesões orgânicas verificáveis. Isso questionava a legitimidade da Psiquiatria como especialidade médica. Cânones da medicina são confrontados, não impedindo, porém, que a Psiquiatria se estabelecesse como área médica.

Um sólido corpo teórico é construído pela Psiquiatria nos seus primórdios, baseado na observação de doentes, e produzindo inclusive a classificação ainda hoje utilizada também pela Psicanálise – neurose, psicose e perversão.

A partir de Freud, com a teorização do conceito de inconsciente – o sujeito dividido, que não é senhor em sua própria casa, há um questionamento da Psiquiatria em diversos campos, sendo especialmente interessante para nós a revolução produzida com perspectiva freudiana do delírio. O delírio como discurso a ser escutado, como tentativa de cura, articulado na história do sujeito: posições freudianas opostas às psiquiátricas, que sugeriam desconsiderar o discurso delirante para melhor observar a psicose. Freud assim altera radicalmente a perspectiva clínica sobre as psicoses.

Lacan, psiquiatra de formação, interessa-se pela psicose desde o início de sua vida profissional, desenvolvendo contribuição fundamental para a teoria psicanalítica das psicoses – aqui no plural indicando a perspectiva estrutural – que orienta nosso percurso neste breve seminário.

question.png

interaja ao vivo

Participe e interaja ao vivo com a psicanalista Claudia Beltran do Valle

laptop.png

PORTAL DE ENSINO

Os inscritos terão acesso ao exclusivo portal de ensino do Instituto ESPE

certificado (3).png

CERTIFICADO

Certificado de conclusão de 8 horas/aula para os alunos que concluírem o curso!

METODOLOGIA

As aulas  serão realizadas de maneira online, ao vivo, nos dias 20/06 (Disponível), 27/06, 04/07 e 11/07 às 20h, com duração de 2 horas, com a psicanalista Claudia Beltran do Vale. O Seminário será composto por exposições de casos clínicos, portanto, as aulas não serão gravadas, os interessados participarão de uma breve seleção e os matriculados deverão assinar um termo de sigilo. A plataforma conta com mais de 300 horas/aula de cursos, aulas e seminários extras disponíveis ao aluno, além de diversas ferramentas de interação com outros alunos matriculados!

CRONOGRAMA

1) O sintoma na Psiquiatria e na Psicanálise: Freud, Lacan e a Psiquiatria clássica;

2) O delírio nas psicoses;

3) Apresentações clínicas e classificações contemporâneas: o diagnóstico;

4) Manejo clínico e estabilização na clínica psiquiátrica e na clínica psicanalítica;

GARANTA A SUA VAGA!

Garanta a sua vaga e estude com grandes nomes da psicanálise. 

Turma limitada

TURMA LIMITADA

NÃO PERCA ESSA OPORTUNIDADE

R$180,00 até

3x de R$60,00

Após a inscrição você receberá um e-mail de confirmação

DÚVIDAS

Ainda ficou com dúvidas? Entre em contato com um de nossos representantes!

ANALISTAS DOCENTES

WhatsApp Image 2022-05-25 at 10.44.56_auto_x2.jpg

Cláudia Beltran do Valle

Graduação em Medicina (1982-1987) com Residência em Medicina Preventiva e Social (1988-1990) pela Universidade Estadual de Campinas; Especialização em Saúde Mental pela FIOCRUZ; Especialização em Psiquiatria pelo Hospital do Servidor Público Estadual (1998 - 1999); Título de Especialista em Psiquiatria pela Associação Brasileira de Psiquiatria (ABP); Formação em Psicanálise pelo Instituto Sedes Sapientiae. Atuação nas seguintes áreas: saúde mental, psicanálise, psiquiatria, saúde coletiva.